Pão de fermentação natural #pãodemia

Olá 🙂

Hoje trago-vos a minha primeira receita de pão de fermentação natural (com vídeo).

Esta receita é uma adaptação da pãodemia da Filipa Gomes, mas usando a massa mãe/isco em vez do fermento. Tal como a pãodemia, esta receita é o mais simplificada possível, quer em termos de ingredientes, quer de processo. E é maravilhosa 😍

View this post on Instagram

Ingredientes: 450g de farinha de trigo 350g de água 80g de massa mãe 9g de sal Procedimento: 1 – Refrescar o vosso isco uma ou duas vezes antes de avançar. Eu refresquei na sexta à noite e no sábado de manhã e continuei a receita no sábado à tarde. 2 – Numa taça colocar a água e a massa mãe. Misturar bem, usando as mãos. Juntar a farinha e por fim o sal, misturando tudo bem de novo. Não é necessário amassar. 3 – Deixar repousar na taça coberta com um pano por três horas. Durante este tempo, se quiserem, podem ir esticando a massa e dobrando-a sobre si mesma (técnica "stretch and fold"). Eu fiz três vezes. 4 – Depois da primeira fermentação, passamos para a moldagem. Primeiro devemos polvilhar o cesto de fermentação com farinha maizena ou farinha de arroz. Depois vamos espalhar um pouco de farinha de trigo sobre a bancada e delicadamente vertemos a nossa massa para cima da farinha. Moldar a massa de forma a fazer uma bola, procurando criar tensão superficial arrastando com mãos a bola sobre a bancada. Por fim, transferir a massa para o cesto de fermentação, tapar com um pano e levar ao frigorífico, onde ficará durante toda a noite. 5 – Na manhã seguinte, tirar o cesto do frigorífico e pré-aquecer o forno a 220ºC com uma panela de ferro ou alumínio lá dentro. Quando estiver aquecido, tirar a panela do forno e, delicadamente, vamos transferir a nossa massa para uma folha de papel vegetal e colocá-la dentro da panela. Levar ao forno por 30 minutos com a panela tapada + 15 minutos com a panela destapada. 6 – Retirar do forno. Nem vale a pena dizer para deixar arrefecer, ninguém vai conseguir 😂 Por isso, vamos partir o pãozinho e servir com um bom azeite. Experimentem, vão adorar 😍

A post shared by Nutricionista vegetariana (@ovegetariano.pt) on

Sem mais demoras, cá vai a receita:

(mais…)

Focaccia de duas maneiras

A primeira versão: Focaccia de tomate seco, azeitonas e alecrim

Caros amigos e seguidores, o meu último ato oficial antes das tão esperadas férias! Deixo-vos esta receita de focaccia, um pão com um leve aroma a alecrim, suave mas com a riqueza do tomate seco e das azeitonas. Perfeito para um lanche de domingo, ou para levar para o picnic.

Cá vai a receita:

(mais…)

O queijo vegetal que todos têm de provar

É mesmo como o título diz. Todos têm de provar esta receita. É dedicada a todos vocês que anseiam por uma alternativa ao queijo que seja muito saborosa, acessível e super prática. Amigos, não precisam de procurar mais, ela já cá está! 🙂

Esta era a receita que andava para testar e partilhar há imenso tempo. Já provei alguns queijos vegetais, e tenho visto várias versões de queijo vegetal, à base de batata ou de amêndoa, mas este é “O” queijo. Cremoso, derrete e estica como o queijo “normal”, e tem um sabor mesmo muito bom!

2017-03-22 10.28.51

A melhor parte? Dá para fazer em casa e em menos de 10 minutos!

Mas como se faz um queijo vegetal?

Ora, a base deste queijo é o caju e a tapioca. O sabor vem principalmente da levedura nutricional, do alho e da pimenta. E é absolutamente di-vi-nal, têm mesmo de experimentar.

Curiosos? Aqui vai a receita:

(mais…)