Pão de massa velha

Já há bastante tempo que queria aprender a fazer pão caseiro. E, como eu gosto de desafios, decidi que havia de fazer pão de massa velha. Sim, fazendo o meu próprio fermento e deixando o pão a levedar lentamente, como se fazia antigamente.

Fiz o meu fermento/isco/massa velha/starter com farinha de centeio integral e água. Demorou cerca de uma semana a ficar pronto, alimentando-o todos os dias, e agora está guardado no frigorífico para sempre que quiser fazer pão.

Na semana passada fiz uma primeira experiência a cozinhar pão com o meu fermento. Usei farinha de centeio integral e um pouco de farinha de trigo. Ficou bastante denso, uma mistura entre o pão alemão e a broa. Bom, mas longe de ficar como eu queria.

Esta sexta feira decidi tentar de novo. Usei farinha de espelta, o meu fermento de centeio, água, um pouco de azeite e sal. Juntei tudo e deixei levedar durante a noite. No sábado de manhã trabalhei a massa e deixei fermentar mais um pouco. Levei a cozer e ficou assim.
De crosta bem crocante, miolo fofinho e com um travo amargo a lembrar o pão alentejano. Uma verdadeira delícia.

Mal posso esperar para experimentar novas receitas, usar outras farinhas, juntar um sem número de coisas e, possivelmente, aumentar uns quilinhos. Nada que não se resolva 🤭😂

Receita do isco
http://chillicomtodos.com/como-fazer-fermento-natural-isco…/

Segui esta receita mas fiz-la por 6 dias e não 4, porque achei que o isco ainda precisava de mais um pouco de força.
Depois guardei o isco no frigorífico e alimento-o todas as semanas usando a seguinte proporção: 20g de isco, 20g de farinha de centeio integral e 20g de água.

Receita do pão
https://www.theclevercarrot.com/…/sourdough-bread-a-beginn…/

Como trabalhei a massa antes da segunda fermentação: https://youtu.be/3_5x70h14VQ

Vou-vos mantendo a par desta aventura.

E vocês, gostariam de fazer pão em casa? Já experimentaram? Contem-me as vossas experiências e partilhem receitas, se tiverem.

2 thoughts on “Pão de massa velha

  1. Quando o isco está pronto colocas no frigorífico.
    Depois dizes que o alimentas semanalmente com 20gr de isco, 20gr de farinha de centeio e 20gr de água.
    Estas 20gr de isco com que alimentas o isco, que está no frigorífico, vais buscar onde?
    Depois quando vais usa-lo como fermento, retiras do frigorífico quanto tempo antes de o colocares na massa? E quando retiras do frigorífico fazes algo nele antes de o usar na massa?
    Obrigado

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *